"Um Barco atracado ao cais é sempre um sonho preso"

domingo, dezembro 04, 2005

Noite de Divas e de Energia Positiva em Elvas









Já pertence à memória e ao onírico mais um momento vivido. Ontem em Elvas, no CineTeatro foi assim: uma plateia interessada, as frisas compostinhas e um elenco de qualidade, todo regional.
Portugal não é só Lisboa. O país real habita naquela cidade da raia. Mas a imprensa e os meios audio-visuais informativos, histéricos de sangue, ignoram ostensivamente os pequenos grandes acontecimentos. Ninguém nos jornais, nas televisões ou nas rádios quer saber dos instantes felizes que, por exemplo, os trabalhadores do Hospital de Elvas semearam no serão tão bem passado naquelas paragens. A não ser a comunicação social local, e nem sempre, seja um encontro de poetas, seja uma noite de fados, não há uma envolvência com os factos positivos até para ajudar a dar volta ao mal estar do povo, sobrecarregado com taxas, impostos, inflações, salários baixos, notícias nefastas, reformas cada vez mais tarde.
Portugal palpita, numa energia belíssima de arte e alma, como estas imagens, tremidas pela emoção do antropólogo (em observação-participante) demonstram.
Na primeira fotografia, Rosa Dias e RosaMaria confraternizam antes do espectáculo. Depois foi o espanto, a maravilha, uma razão para permanecer vivo aqui. E continuar a chatear os bonzos, como diria o outro...

3 comentários:

Mendes Ferreira disse...

então sejas bem vindo....espectacular post....e hás-de, se quizeres, claro, explicar essa do "erro", sendo certo que a ele não estou imune...mas quero crer que nao terá nada a ver com (nosco) ...? beijos...de nenhuma diva....antes desiludida.

Mané disse...

Acredito que foram belissimos momentos.Saudades...

Anónimo disse...

É bom ver que existem ainda pessoas que contemplam o trabalho de artistas nacionais, e mais ainda quando estes são amadores! Um grande abraço e espero que volte mais vezes a Elvas, será sempre muito bem recebido! SG