"Um Barco atracado ao cais é sempre um sonho preso"

domingo, agosto 01, 2010

1-8-2004/ 1-8-2010: Começa o Sétimo Ano deste Blogue



Ao longo dos seis anos da existência do "Águas do Sul" falámos do Mundo: Guerras e festas, sonhos e decepções. De pessoas, afinal. Do colectivo e do egoísmo. Dos ideais e da traição. Do Poder e da Luta.
Mas também de intimidade. A Poesia acompanhou-nos.
E os Amigos escreveram opiniões, houve partilha.
Um ser dito irracional (um pombo caído pela chaminé), entretanto, tornou-se ícone destes dias do sul. Ensinando muita coisa sobre a inteligência animal. Proporcionando espantos e delícias.
Tempo de descobertas, afectos, emoções.
Nem sabemos ser de outra maneira.
Perante a caminhada que ficou para trás, a promessa de continuar!

Luís Filipe Maçarico (texto e fotografia - Madina Zara/Córdova)

1 comentário:

António Baeta disse...

Se bem que com atraso, o meu abraço caro Maçarico.