"Um Barco atracado ao cais é sempre um sonho preso"

segunda-feira, fevereiro 06, 2012

HUMOR NEGRO, A PROPÓSITO DOS PASSEIOS ARTÍSTICOS DA CIDADE DE LISBOA






Rua próxima do Clube Desportivo Cova da Moura, não muito distante do Hospital da CUF e o Ministério dos Negócios Estrangeiros, que se situam a escassos metros...

A nutricionista que me acompanha... aconselha-me a andar!
Os meus amigos, dizem-me que... tenho de andar!
Até uma dirigente do serviço onde trabalho... acha que devo andar... mas insiste que tenho de fazer dieta, senão - acrescenta - fico cego e sem pernas...

Todavia, andar por onde?

Os passeios, muitos passeios da cidade estão assim, como as fotografias documentam...
E sempre que me distraio e me entusiasmo a andar, acabo por ir parar às mãos da Doutora Tatiana, a dedicada fisioterapeuta que me acompanha, desde Setembro, por causa dos pés, sucessivamente torcidos e retorcidos, nos empedrados dos passeios de Lisboa, armadilhados por autênticos alçapões, com buracos, declives, planos inclinados e viaturas diversas, estacionadas em cima das portas das casas, afundando ainda mais o solo, para caminharmos, como se estivéssemos numa pista de circo ou num campo de batalha...

Um dia destes pensei: Tenho mesmo de fazer dieta, porque senão, é a alma que se contorce, nos desníveis e poços fundos dos passeios de Lisboa, cuja residual escola de calceteiros aplica a sua arte, para proteger as patas de quem tem dinheiro, para melhor nos espezinhar.
Caí porém na realidade, ao lembrar-me que a magra Dona Zaida, minha vizinha, partiu o pé na Rua Prior do Crato há uns anos, por causa dos mesmos buracos que me atormentam.
Caminhar? Não, Obrigado!

Luís Filipe Maçarico

3 comentários:

elvira carvalho disse...

Olhe há dias ouvi um médico dizer que nadar ou dançar eram tão bons exercícios como caminhar. Porque não experimenta?
Um abraço e uma boa semana

Mar Arável disse...

Movimenta-te

abre as asas
e voa

este país está cheio de buracos

Mar Arável disse...

Movimenta-te

abre as asas
e voa

este país está cheio de buracos