"Um Barco atracado ao cais é sempre um sonho preso"

quinta-feira, setembro 29, 2011

Tapada das Necessidades: Abaixo Assinado contra Nova Ameaça


Está on line um abaixo assinado, para salvaguardar a Tapada das Necessidades de novas ameaças.
Depois do Ministério dos Negócios Estrangeiros, que pretendeu patrimonializar aquele belo espaço, surgiu agora a intenção, do vereador do ambiente, de abrir um restaurante de luxo, no antigo zoo, que a Junta de Freguesia dos Prazeres idealizara transformar em projecto pedagógico - As Casinhas Encantadas.
A ser concretizado, o restaurante (só para alguns) promoverá a desestabilização diurna e nocturna, pois a burguesia não gosta de andar a pé e para usufruírem do sítio provavelmente serão destruídas árvores, entretanto classificadas. O imbróglio está lançado...
Leia com atenção e subscreva, se concordar com o protesto que o GATN - Grupo dos Amigos da Tapada das Necessidades, concretizou há 3 dias na Net, o qual já obteve mais de 100 assinaturas.

TAPADA das NECESSIDADES
CML troca Projecto Social por Restaurante de Qualidade Superior



Os cidadãos abaixo-assinados consideram que:

A Câmara Municipal de Lisboa pretende construir um Restaurante no antigo Jardim Zoológico da Tapada, o que é uma forma intolerável de privar a população de um espaço público e histórico de excepção.

Ignora para isso um Projecto apresentado pela Junta de Freguesia dos Prazeres, as Casinhas Encantadas, dedicado à educação das crianças e ao bem-estar dos moradores e frequentadores do Parque.

Seria devastador o resultado da instalação de um Restaurante com os seus acessos, redes de iluminação, comunicações, águas e esgotos, gás, gestão de resíduos sólidos, demolições e construções de apoio e suas periódicas operações de manutenção.

A Tapada das Necessidades e o seu arvoredo são Monumentos de Interesse Público, não podendo o património cultural da cidade ser descurado e negligenciado.

A existência desse Restaurante obrigaria a estacionamento e circulação de veículos dentro da Tapada, com intenso movimento de pessoas até altas horas, de forma totalmente incompatível com a sua conservação e segurança, comprometendo o descanso de vizinhos, a paz e o sossego do local e permitindo depredações e danos no Património.

Quaisquer novas construções iriam descaracterizar o conjunto monumental do Jardim, com um brutal impacto e sem daí resultar qualquer vantagem para o ambiente, adulterando este lugar de privilégio que foi possível preservar durante século e meio.

Em defesa de Lisboa, os cidadãos abaixo assinados rejeitam a instalação do Restaurante na Tapada das Necessidades, objecto de Concurso Público Internacional lançado pela Câmara Municipal de Lisboa e que pretendem seja anulado.


http://www.gopetition.com/petitions/tapada-das-necessidades-cml-troca-projecto-social-por.html

1 comentário:

elvira carvalho disse...

È claro que assinei e partilhei no face.
Um abraço e bom fim de semana