"Um Barco atracado ao cais é sempre um sonho preso"

domingo, julho 11, 2010

Odeceixe: Um Paraíso de Paz














No final do mês passado regressei a Malhadais/Odeceixe.
Por pouco dinheiro (e muita caminhada) foi um tempo delicioso para voltar a saborear o paraíso.
Partilho algumas imagens desses dias suaves.
Desiludam-se os que anseiam por barulho, multidões, ingredientes para andar com a adrenalina sempre atiçada.
Os sons que se ouvem por ali incluem o rumor do vento e os cânticos das aves.
Enquanto em Viana do Castelo (e em muitas localidades do país) o termómetro assinalava 27 graus, na Costa Vicentina, durante alguns dias, houve nevoeiros e 20-21 graus...
Senti-me no paraíso, porque gosto da Natureza, do Silêncio e de Paz.
Até me esqueci, a dada altura, em que dia estava, e estudar não era possível...estava-se em absoluto relaxe. A companhia (São) também foi muito boa.
Nota: Tenho ua máquina fotográfica nova...

1 comentário:

Pedro disse...

Desde Aljezur até Odeceixe parece que estámos no paraíso. Dos cantos de Portugal que conheço há muito poucos que se assemelhem a esse (no meu Minho ainda encontro alguns), e aqui no Algarve é mesmo o paraíso. É um recondito pouco explorado pelo turismo, o que lhe permite manter uma beleza quase intacta.